viernes, 13 de noviembre de 2015

Ratón de biblioteca: Marijuana a medicina proibida / Lester Grinspoon & James B. Bakalar



A Esfera dos Livros acaba de lançar uma segunda edição, revista e aumentada, da obra «Marijuana, a medicina proibida», da autoria de Lester Grinspoon e James B. Bakalar. O livro defende o uso da cannabis com fins terapêuticos e apresenta casos de sucesso. 

Segundo Lester Grinspoon, nos últimos anos “tornou-se claro que a cannabis é um medicamento seguro e notavelmente versátil”. Daí que esta edição da obra desenvolva mais a fundo “a análise científica e sociopolítica das perspectivas de aceitação da marijuana pela Medicina”. 

O livro inclui várias histórias de pessoas que utilizaram a marijuana com objectivos terapêuticos, obtendo resultados positivos: uma mulher com esclerose múltipla, por exemplo, afirma que a marijuana não lhe aliviava apenas os espasmos musculares, mas que também lhe conferia um grau de controlo da bexiga que lhe garantiu uma renovada liberdade social. 

Apesar da ilegalidade e do preconceito associados ao consumo daquela substância, Lester Grinspoon reconhece que um grande número de norte-americanos usa cannabis com alguma regularidade, a maior parte deles acreditando que ela melhora as suas vidas: “um tema raramente discutido na imprensa”. 

O autor assegura que, em mais de duas décadas de pesquisa, leu “muito sobre a potencial nocividade da cannabis, sobretudo disparates, e muito pouco sobre o seu valor. Embora ele tenha vários aspectos, o uso clínico é um dos mais importantes e dos mais negligenciados. Cheguei à conclusão de que, se qualquer substância tivesse revelado potencialidades terapêuticas semelhantes, de par com um registo de segurança similar, os profissionais e o público teriam mostrado muito mais interesse nela”, disse. 

 Lester Grinspoon é médico e professor na Harvard Medical School, e James B. Bakalar é sub-editor da Harvard Mental Health Letter e lecciona matérias jurídicas no departamento de Psiquiatria da escola. Ambos editaram uma primeira versão desta obra, intitulada «Marijuana reconsidered», em 1971





Hoy el ratón...
aconseja "No fumar"
Publicar un comentario